Sidebar

05
Sex, Jun

TN Online
Tools

A Câmara de Graduação e Ensino da Universidade Estadual de Maringá (UEM) aprovou a implantação de cotas raciais. A instituição é a única, entre as sete universidades estaduais do Paraná, que ainda não tem cotas raciais. Para ser implantada definitivamente, a proposta precisa ser aprovada no Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CEP), o que ainda não há data para ocorrer. 

A proposta aprovada na quarta-feira prevê que 20% das vagas do vestibular devem ser destinadas para negros. Desse total, 15% envolvem critérios sociais como ser estudante de escola pública e comprovar renda familiar mensal de até um salário mínimo e meio. Os outros 5% são para ampla concorrência e incluem candidatos negros com ensino superior. 

https://tnonline.uol.com.br/noticias/regiao/32,482506,07,11,implantacao-de-cotas-raciais-na-uem-e-aprovada-pela-camara-de-graduacao-e-ensino