Maringá Post
Tools
No ano passado, maioria dos doadores no Hemocentro de Maringá é do sexo masculino ( Imagem/ Agência Brasil de Comunicação)

Com as temperaturas mais baixas, aumenta a preocupação no Hemocentro Regional de Maringá. Por enquanto, o estoque de bolsas de sangue está normalizado. Mas com os dias mais frios, o número de doadores caiu cerca de 50%. Para ajudar, estudantes da Universidade Estadual de Maringá (UEM) organizam uma doação de sangue coletiva.

Segundo a assistente social do Hemocentro, Tereza Maria Pauliqui Peluso, nesse período do ano é normal que o número de doadores caia cerca de 30%. Entretanto, o ritmo de pacientes que necessitam de sangue para cirurgias nos 20 hospitais de Maringá e região, atendidos pelo Hemocentro, continua o mesmo.

“A gente pode vir a ter problema se continuarmos com um número baixo de doadores. Necessitamos de 45 a 50 doadores por dia e nos últimos dias tivemos apenas 23 doadores por dia”, afirma Tereza Peluso.

De acordo com a assistente social, em períodos chuvosos, com temperaturas baixas e de férias escolares, o número de doações cai. “É importante lembrar que para os pacientes que precisam, não existe chuva, não existe inverno e não existe férias. Daí a importância das pessoas virem”, afirma.

O Hemocentro de Maringá pode atender até doze pessoas por hora, mas geralmente esse número fica abaixo da capacidade. A maioria dos doadores é do sexo masculino, o que para Tereza é reflexo da quantidade de doações permitidas para cada sexo. O Ministério da Saúde permite que homens façam até quatro doações por ano enquanto mulheres podem doar até três vezes.

No ano passado, 55% dos doadores eram homens e 45% mulheres. Desse total, 56% tinham de 29 até 70 anos, 42% de 18 até 29 e 2% menos de 18 anos.

Organizadora vai doar sangue pela primeira vez

Pensando na dificuldade do Hemocentro no período do inverno, alunos da Universidade Estadual de Maringá (UEM) resolveram se unir e programaram uma doação de sangue coletiva.

A 2º edição do projeto Compartilhe Vidas ocorrerá de terça a sexta-feira, nos dias 13, 14, e 15 de junho. Para atender uma quantidade maior de pessoas, o evento ocorrerá das 8h às 10h e a tarde às 13h30, 15h30 e 17h30.

A ação é organizada pelo Centro Acadêmico de Engenharia de Alimentos (Cadea) com apoio do Centro Acadêmico de Engenharia Química (UEM), do PET – Informática UEM, da AIChE – Maringá, da Ação Empreendedora UEM (Enactus), da Consultoria e Soluções em Engenharia Química Junior (Conseq) e do PET-Engenharia Química.

Uma das organizadoras do projeto, Natália Martins Silva, de 20 anos, vai fazer a doação de sangue pela primeira vez. Ela reconhece ainda ter medo e que um dos grandes obstáculos que a impediam de doar sangue era a desinformação.

Com o projeto, Natália conta que se envolveu mais na discussão e conseguiu se informar melhor. Ela espera que outros jovens também tenham a mesma atitude ao participar da ação. “A gente vê que tem pessoas que nunca doaram, têm vontade, mas nunca tiveram o incentivo e sabemos o quanto a doação de sangue é importante”, diz.

Veja quem pode fazer a doação de sangue

Para ser um doador é necessário estar em boas condições de saúde, ter entre 16 e 69 anos e pesar mais de 50kg. Menores de idade só podem doar acompanhados de um responsável. Para fazer a doação de sangue é necessário estar alimentado e apresentar documento oficial com foto. 

Fica impedido de doar sangue se a pessoa não tiver dormido menos de seis horas na noite anterior, se teve contato com parceiros múltiplos ou teve risco de adquirir doenças transmissíveis sexualmente ou pelo sangue nos últimos 12 meses. 

Também não podem doar gestantes, que devem aguardar 90 dias após o parto ou 180 dias após a cesariana e as mães que estejam amamentando.

Não podem doar pessoas que tiverem ingerido bebida alcoólica nas 12 horas anteriores à  doação de sangue. Quem estiver em tratamento dentário ou teve gripe, febre ou diarreia precisa aguardar sete dias para fazer a doação.

O Hemocentro de Maringá fica na Avenida Mandacaru, 1.600. As doações podem ser feitas de segunda-feira a sexta-feira, das 7h às 18h30. E nos sábados das 7h às 12h30.

Confira mais detalhes sobre a doação de sangue:

https://maringapost.com.br/cidade/2018/06/09/numero-de-doadores-caiu-50-nos-ultimos-dois-dias-no-hemocentro-regional-de-maringa-estudantes-da-uem-organizam-doacao-de-sangue-coletiva-na-proxima-semana/