Massa News
Tools
Foto: UEM

O Centro de Controle de Zoonoses de Maringá confirmou na tarde desta sexta-feira (7) que o morcego encontrado morto no Campus da Universidade Estadual de Maringá (UEM) estava infectado com o vírus da raiva.

O animal foi recolhido nas proximidades dos blocos M-08 e T-13, no dia 29 de abril. Após as análises, a Secretaria de Saúde recebeu o resultado dos exames feitos pelo Laboratório Central do Estado do Paraná (Lacen) no dia 30 de maio.

As orientações do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) é que a área em que o morcego foi encontrado seja isolada para evitar contato com humanos. A UEM afirmou que vai cumprir a medida e orienta que, em caso de mordidas de animais dentro do campus, as vítimas procurem o hospital imediatamente.

Colaboração Assessoria

https://massanews.com/noticias/plantao/morcego-encontrado-morto-em-campus-da-uem-estava-infectado-com-raiva-q7vmO.html