Nesta segunda-feira, às 14 horas, no Restaurante Universitário, foi aberta a IV Bienal da Sociedade Brasileira de Matemática. Iniciada em 2002, como um dos mais importantes eventos da área, a Bienal tem como objetivos promover a interação da Matemática com outras áreas do conhecimento, abordando aplicações e questões interdisciplinares; estimular a formação de recursos humanos em Matemática; divulgar laboratórios de ensino e de novas tecnologias no ensino da Matemática; gerar textos de qualidade; despertar o interesse de estudantes para a pesquisa e o ensino de Matemática; entre outros.

 

A edição desse ano conta com alunos e professores de todo o Brasil. Na abertura, o Reitor da UEM e também matemático, Décio Sparandio, saudou os participantes e exaltou a diversificação da Bienal, que contará com conferências, minicursos, oficinas, exibição de filmes, exposição de pôsteres e laboratórios de ensino. Segundo o Reitor, as questões abordadas contribuirão para o debate de questões acerca do desenvolvimento do ensino das ciências exatas em todo o Brasil. Décio Sperandio ainda demonstrou satisfação em ter a UEM como sede desta edição da Bienal, considerando um prêmio para a entidade ser palco de um evento desta magnitude.

 

De acordo com o coordenador geral desta edição da Bienal, professor Marcelo Moreira Cavalcanti, a organização do evento se esforçou para que esta seja uma semana agradável e produtiva para todos. O presidente da Sociedade Brasileira de Matemática, João Lucas Marques Barbosa, ressaltou a Bienal como uma oportunidade para reflexão sobre temas atuais e, também, para buscar novas idéias.

 

O representante da CAPES (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior), Celso José da Costa, demonstrou satisfação em participar do evento, destacando o bom trabalho realizado pela UEM em conjunto com a CAPES para o desenvolvimento do ensino no Brasil. Celso Costa ainda ressaltou que a Bienal é uma oportunidade para troca intensa de informações entre estudiosos de todo o país. No final da abertura, foi realizada uma apresentação com alunos do curso de música da UEM.

 

A IV Bienal começou com uma mesa-redonda para discutir a Educação a Distância, realizada nesta segunda-feira pela manhã, no Restaurante Universitário. O debate contou com a participação do diretor da Universidade Aberta do Brasil, Celso Costa, professor da Universidade Federal Fluminense, no Rio de Janeiro.

 

As demais mesas-redondas abordarão os seguintes temas: O Ensino de Ciências e a Educação Básica: propostas para superar a crise; Formação Continuada; e Matemática no Ensino Fundamental. Já as palestras serão sobre A Pintura Renascentista e a Geometria; Pegadas da Geometria Algébrica no Brasil; Sistemas Dinâmicos e Teoria dos Números: o espectro de Lagrange; Doutorados em Matemática obtidos no Brasil a partir de 1942; O Jogo de Hex e o Teorema do Ponto Fixo de Brouwer; A Riqueza dos Planímetros: um pouco mais do que um exemplo do cálculo vetorial; Matemáticas: ciência básica ou caminho para o futuro?; O Segundo Teorema de Pitágoras, a Métrica do Taxista e Outras Amenidades; Criptografia Baseada em Grupos.

 

Constam da programação também as palestras Gauss e a Reciprocidade Quadrática; Modelos Matemáticos: doenças por vetores; Cartas, Embaralhamentos e Matemática; Singularidades Estáveis e Invariantes; Singularidades e Geometria das Frentes de Ondas; O Conceito de Derivada no Sentido Fraco e Aplicações; Sobre Teoremas Tipo Borsuk-Ulam; Como Resolver Problemas Impossíveis; Cúpulas, Guarda-Chuvas e Tendas: membros de uma nova família de objetos; Um Introdução de Geometria Fractal e Dimensões Fracionárias; Unique Expansions of Real Number; e Alguns Problemas de Geometria Esquecidos nas Escolas Básicas.

São ainda oferecidos 32 minicursos, dez oficinas e seis exposições. As atividades serão realizadas nos blocos D-67 e F-67, no Anfiteatro Ney Marques, até sexta-feira (3). Outras informações pelo site www.dma.uem.br/bienalsbm/, fones 3261-4504 e 3261-4933 ou e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..